Obesidade ante et post cirurgia

  • Marlene Alexandra Mariano da Silva

Resumo

O presente estudo tem por objetivo analisar a perda de peso após a intervenção cirúrgica em indivíduos obesos, verificar o seu grau de efetividade e tentar perceber a razão pela qual alguns pacientes conseguem perder peso e mantê-lo e outros não. Foi ainda avaliado o impacto das alterações associadas ao estilo de vida e hábitos alimentares após a cirurgia. Os dados foram recolhidos no Serviço de Cirurgia do Hospital de São Sebastião, localizado em Santa Maria da Feira. Foram examinados processos de pacientes operados há mais de três anos, dos quais 82 apresentavam processos válidos e completos. Destes, 67 eram mulheres e 15 eram homens. Perderam peso e estabilizaram 81,3% dos pacientes, os restantes 18,7%, após a perda de peso, aumentaram mais de cinco quilos. A prática de exercício físico esteve associada a um maior decréscimo do índice da massa corporal (IMC), tanto para os que praticaram mais de 30 minutos por dia, como para os que praticaram menos, em comparação com aqueles que não praticaram qualquer atividade física. Os melhores resultados foram encontrados entre os pacientes que simultaneamente cumpriram a dieta e fizeram mais de 30 minutos de exercício físico por dia. Daqui se deduz que os níveis de sucesso mais elevados ocorrem entre os que cumprem a dieta alimentar e os que aderem à prática de exercício físico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marlene Alexandra Mariano da Silva

Licenciatura em antropologia e Mestrado em Antropologia Médica no departamento de Ciências da Vida da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.

 

Publicado
2016-05-04
Como Citar
SILVA, Marlene Alexandra Mariano da. Obesidade ante et post cirurgia. Antropologia Portuguesa, [S.l.], v. 30, p. 113-130, maio 2016. ISSN 2182-7982. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/antropologiaportuguesa/article/view/1636>. Acesso em: 24 ago. 2017.
Secção
Artigos temáticos

Palavras-chave

Obesidade; cirurgia bariátrica; dieta; atividade física; índice de massa corporal