A CASA-ATELIER DE ANTÓNIO TEIXEIRA LOPES: UM MICROCOSMO OITOCENTISTA

  • Marta Barbosa Ribeiro Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
  • Joana Brites Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra / CEIS20

Resumo

O presente artigo visa analisar formal e iconograficamente a casa-atelier de António Teixeira Lopes, relacionando-a com a vida privada e social do escultor, com a arquitetura e a mundividência românticas. Parte-se da caracterização da casa-atelier enquanto refúgio e palco do artista, articulando a sua emergência com a entrada da arte na esfera pública. Contextualiza-se a construção da casa-atelier de Teixeira Lopes no âmbito do seu trajeto pessoal e profissional e examina-se a dinâmica espacial da mesma. Finalmente, decodificam-se os discursos iconográficos reunidos no edifício. A convivência de alusões à identidade do artista com a apropriação eclética de correntes artísticas e ornamentos passíveis de uma leitura iniciática ou esotérica é interpretada à luz do século XIX português.

Palavras-chave

António Teixeira Lopes, Casa-atelier, Arquitetura, Romantismo, Portugal

  • Resumo visualizado = 1 vezes
  • PDF visualizado = 0 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-12-27
Como Citar
RIBEIRO, Marta Barbosa; BRITES, Joana. A CASA-ATELIER DE ANTÓNIO TEIXEIRA LOPES: UM MICROCOSMO OITOCENTISTA. Biblos, [S.l.], n. 4, p. 31-59, dez. 2018. ISSN 2183-7139. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/biblos/article/view/6098>. Acesso em: 20 jan. 2019.
Secção
Refúgios