A inércia institucional nos processos de integração regional: o método do Path Dependence aplicado aos casos da União Europeia e do Mercosul

  • Angélica Saraiva Szucko

Resumo

Este artigo tem o objetivo de demonstrar, por meio do método histórico do path dependence, o desenrolar dos processos de integração da União Europeia e do Mercosul e a consequente inércia institucional dos mesmos, bem como comparar suas dificuldades e seus avanços. Primeiramente, será apresentado um breve panorama das teorias de integração regional. Posteriormente, mediante uma análise histórico-comparativa de path dependence, serão identificadas as conjunturas críticas, o processo de reprodução institucional e as sequências reativas de cada um dos casos. Em seguida, será avaliada a inércia institucional resultante desses processos de integração.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-07-03
Como Citar
SZUCKO, Angélica Saraiva. A inércia institucional nos processos de integração regional: o método do Path Dependence aplicado aos casos da União Europeia e do Mercosul. Debater a Europa, [S.l.], n. 16, p. 27-55, jul. 2017. ISSN 1647-6336. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/debatereuropa/article/view/4382>. Acesso em: 21 out. 2017.