Em que medida a proximidade linguística influencia as exportações portuguesas. Um estudo aplicado à União Europeia e ao Mercosul

  • Sandra Ribeiro
  • Maria João Ferro

Resumo

A intensa integração económica mundial das últimas décadas veio aumentar as trocas comerciais entre os diversos países. No entanto, ainda existem barreiras que dificultam a realização das trocas comerciais. Vários estudos confirmaram já que a variável língua influencia a escolha de parceiros internacionais, uma vez que pode aumentar ou diminuir os custos da transação. Examinamos a relação entre as exportações portuguesas e a língua dominante no país de destino, analisando também a influência da pertença à UE ou ao Mercosul. Concluímos que a proximidade linguística desempenha um papel importante na escolha de parceiros comerciais estrangeiros, tal como o facto de pertencer à UE.

  • Resumo viewed = 9 times
  • PDF viewed = 6 times

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-07-03
Como Citar
RIBEIRO, Sandra; FERRO, Maria João. Em que medida a proximidade linguística influencia as exportações portuguesas. Um estudo aplicado à União Europeia e ao Mercosul. Debater a Europa, [S.l.], n. 16, p. 189-208, jul. 2017. ISSN 1647-6336. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/debatereuropa/article/view/4390>. Acesso em: 14 dez. 2017.