Desafios da Política Externa Europeia no Cáucaso do Sul: Os Limites da Geopolítica de Base Normativa

  • Licínia Simão Faculdade de Economia e Centro de Estudos Sociais, Universidade de Coimbra

Resumo

Este artigo analisa as relações da União Europeia (UE) com os países do Cáucaso do Sul, Arménia, Azerbaijão e Geórgia, no âmbito da Política Europeia de Vizinhança (PEV). A análise centra-se na interação entre a exportação dos modelos de governação e normas europeias e as ambições geopolíticas e de segurança da União. O argumento central defende que a ação securitária da UE, nomeadamente na transformação positiva dos conflitos armados da região, tem sido limitada pela abordagem despolitizada que a PEV promove e que beneficiaria de uma abordagem onde a dimensão política do modelo de estabilização regional da UE fosse assumida.

Palavras-chave

União Europeia, Cáucaso do Sul, Política Europeia de Vizinhança, governação, geopolítica

  • Resumo visualizado = 41 vezes
  • PDF visualizado = 33 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-01-23
Como Citar
SIMÃO, Licínia. Desafios da Política Externa Europeia no Cáucaso do Sul: Os Limites da Geopolítica de Base Normativa. Debater a Europa, [S.l.], n. 18, p. 85-102, jan. 2018. ISSN 1647-6336. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/debatereuropa/article/view/5165>. Acesso em: 23 set. 2018.