Regulação emocional e comportamento alimentar perturbado: O impacto distinto da fusão cognitiva e de uma atitude de apreço em relação à imagem corporal

  • Sofia Bento University of Coimbra, Portugal
  • Cláudia Ferreira Cognitive and Behavioural Centre for Research and Intervention (CINEICC), Faculty of Psychology and Education Sciences, University of Coimbra
  • Ana Laura Mendes Cognitive and Behavioural Centre for Research and Intervention (CINEICC), Faculty of Psychology and Education Sciences, University of Coimbra
  • Joana Marta-Simões Cognitive and Behavioural Centre for Research and Intervention (CINEICC), Faculty of Psychology and Education Sciences, University of Coimbra

Resumo

Diferentes processos de regulação emocional parecem estar envolvidos na relação entre a avaliação negativa da imagem corporal e a psicopatologia alimentar. O presente estudo pretendeu clarificar, numa amostra de 369 mulheres, os efeitos distintos da fusão cognitiva e do apreço pela imagem corporal na relação entre a discrepância sentida entre o corpo real e idealizado e o comportamento alimentar perturbado, quando controlado o efeito do IMC. Os resultados indicaram que mulheres que percecionam o seu corpo como significativamente discrepante do padrão valorizado na sociedade atual têm uma maior tendência para apresentar comportamentos alimentares perturbados. No entanto, esta relação é parcialmente explicada por maiores níveis de fusão cognitiva em relação à aparência física e por um menor apreço pela própria imagem corporal. Estes resultados constituem um contributo significativo ao sublinharem a relevância da promoção de desfusão cognitiva e de atitudes autocompassivas enquanto estratégias de regulação emocional protetoras da psicopatologia alimentar.

Palavras-chave

discrepância da imagem corporal, fusão cognitiva em relação à imagem corporal, imagem corporal positiva, psicopatologia alimentar

  • Resumo visualizado = 68 vezes
  • PDF visualizado = 96 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-12-13
Como Citar
BENTO, Sofia et al. Regulação emocional e comportamento alimentar perturbado: O impacto distinto da fusão cognitiva e de uma atitude de apreço em relação à imagem corporal. Psychologica, [S.l.], v. 60, n. 2, p. 11-25, dez. 2017. ISSN 1647-8606. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/psychologica/article/view/4842>. Acesso em: 12 dez. 2018.
Secção
Artigos