SABERES E(M) PERFORMANCES: REFLEXÕES EM TORNO DAS REPRESENTAÇÕES DA ANCESTRALIDADE NA FICÇÃO BREVE DE MIA COUTO

  • Jorge Valentim Universidade Federal de São Carlos

Resumo

O presente ensaio tem como objetivo pensar duas efabulações distintas na representação de personagens anciãos na ficção breve de Mia Couto, tomando como ponto de partida os textos “Nas águas do tempo” e “Sangue da avó manchando a alcatifa”.

Palavras-chave

Ancestralidade, Ficção Breve, Mia Couto

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-06-19
Como Citar
VALENTIM, Jorge. SABERES E(M) PERFORMANCES: REFLEXÕES EM TORNO DAS REPRESENTAÇÕES DA ANCESTRALIDADE NA FICÇÃO BREVE DE MIA COUTO. Revista de Estudos Literários, [S.l.], v. 5, p. 395-413, jun. 2017. ISSN 2183-847X. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/rel/article/view/4304>. Acesso em: 17 ago. 2017.