VOZES DO BRASIL: A PRESENÇA DA LITERATURA BRASILEIRA NA NARRATIVA HIPERCONTEMPORÂNEA PORTUGUESA

  • Paulo Ricardo Kralik Angelini Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Resumo

A confirmar o que diz Eduardo Lourenço em muitos de seus textos, a presença do Brasil em Portugal é marcante. O filósofo afirma que Portugal pensa mais sobre o Brasil do que o contrário, até mesmo numa perspectiva mítica, a querer registrar a paternidade de uma Nação que se autoproclama sem pai. Este artigo pretende debater um pouco deste diálogo, tendo como foco a maneira como a literatura brasileira é referenciada na nova literatura portuguesa (romances publicados a partir de 2000). Desta forma, pretende-se discutir a intertextualidade, a partir de autores como Compagnon, Genette, Samoyault, Allen, entre outros, e trazer um recorte de obras e autores brasileiros que visitam as narrativas portuguesas hipercontemporâneas.

Palavras-chave

intertextualidade, narrativa portuguesa hipercontemporânea, literatura brasileira

  • Resumo visualizado = 33 vezes
  • PDF visualizado = 20 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-01-09
Como Citar
ANGELINI, Paulo Ricardo Kralik. VOZES DO BRASIL: A PRESENÇA DA LITERATURA BRASILEIRA NA NARRATIVA HIPERCONTEMPORÂNEA PORTUGUESA. Revista de Estudos Literários, [S.l.], v. 8, p. 101-127, jan. 2019. ISSN 2183-847X. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/rel/article/view/6171>. Acesso em: 16 fev. 2019.