Abordagem ao «Tecnologismo»: tecnologia e religião no Portugal da Regeneração

  • Hugo Silveira Pereira Centro Interuniversitário de História das Ciências e da Tecnologia (Universidade Nova de Lisboa)

Resumo

Na segunda metade do século XIX, Portugal investiu em diversas soluções tecnológicas para modernizar diferentes setores da sociedade, sendo o caminho-de-ferro uma das mais imponentes inovações. Além dos benefícios materiais que trouxe em termos de velocidade e capacidade de transporte, a ferrovia desempenhou ainda um importante papel simbólico, como representação indisputada de modernidade, progresso e civilização. Neste artigo, pretendo demonstrar que o sentimento de sublime provocado pela locomotiva a vapor assumiu igualmente contornos religiosos, de religião implícita (tecnologismo), que contribuíram para cimentar a implementação da ferrovia e dos seus principais agentes tecnológicos na sociedade nacional.

Palavras-chave

Tecnologismo, religião implícita, technical fix, determinismo tecnológico, sublime tecnológico

  • Resumo visualizado = 5 vezes
  • PDF visualizado = 6 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-05-09
Como Citar
PEREIRA, Hugo Silveira. Abordagem ao «Tecnologismo»: tecnologia e religião no Portugal da Regeneração. Revista de História das Ideias, [S.l.], v. 36, p. 123-145, maio 2018. ISSN 2183-8925. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/rhi/article/view/5624>. Acesso em: 20 jul. 2018.
Secção
Artigos