Sentidos e Significados Atribuídos à Escrita por Estudantes do Curso de Pedagogia após a Finalização do Trabalho de Conclusão de Curso

  • Rejane Maria de Almeida Amorim Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio de Janeiro
  • Marcelo Macedo Corrêa e Castro Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Resumo

Este artigo apresenta a análise das respostas de cinco concluintes do Curso de Pedagogia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) a um questionário estruturado, por meio do qual se buscou compreender que sentidos e significados atribuíam à escrita acadêmica ao final do curso. A análise foi desenvolvida considerando-se aportes teóricos da psicologia sócio-histórica, tendo Vygotski como autor central. A busca pela compreensão dos sentidos e significados seguiu a metodologia dos núcleos de significação (Aguiar & Ozella, 2006). O estudo chegou a quatro núcleos de significação: (1) Eu não sabia escrever; (2) Os trabalhos e provas eram devolvidos com notas, mas nada esclarecendo sobre a forma de escrever; (3) Minha escrita de monografia foi um caminho maravilhoso; e (4) A escrita cobrada ao longo da universidade serviu como suporte para a escrita da monografia.

  • Resumo visualizado = 129 vezes
  • PDF visualizado = 143 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-12-21
Como Citar
ALMEIDA AMORIM, Rejane Maria de; CORRÊA E CASTRO, Marcelo Macedo. Sentidos e Significados Atribuídos à Escrita por Estudantes do Curso de Pedagogia após a Finalização do Trabalho de Conclusão de Curso. Revista Portuguesa de Pedagogia, [S.l.], n. 51-2, p. 51-72, dez. 2017. ISSN 1647-8614. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/rppedagogia/article/view/4878>. Acesso em: 15 nov. 2018.
Secção
Artigos