Boletim do Arquivo da Universidade de Coimbra https://impactum-journals.uc.pt/boletimauc <p>O Boletim do Arquivo da Universidade de Coimbra é uma publicação vocacionada para a edição de trabalhos e pesquisas no âmbito da Arquivística e da História, dando preferência aos que têm por objeto acervos exixtentes no Arquivo da Universidade de Coimbra. Visa estimular o debate pluridisciplinar no âmbito da Ciência da Informação e da História e dar a conhecer a atividade que nestes domínios se desenvolve. O Boletim teve o seu primeiro número publicado em 1973 e, a partir do volume XXV, de 2012, passa a ter apenas edição on-line, estando aberto à colaboração de investigadores nacionais e estrangeiros. O Boletim é composto por quatro partes: Instrumentos de Pesquisa Arquivística, Estudos, Notícias e Recensões. Boletim do Arquivo da Universidade de Coimbra está indexado na Web of Science (Thomson Reuters/ESCI), no Latindex, no European Reference Index for the Humanities and Social Sciences (ERIH PLUS),&nbsp; na SCOPUS e na Redib.</p> pt-PT <p>Os autores cedem ao Boletim do Arquivo da Universidade de Coimbra todos os direitos de publicação de artigos que sejam aprovados para publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a&nbsp;<a href="http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/" target="_new">Licença Creative Commons Attribution</a>&nbsp;que permite a partilha do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.</p> gracinda.guedes@auc.uc.pt (Gracinda Guedes) gina.costa@uc.pt (Gina Costa) Sex, 14 Jun 2019 10:35:23 +0100 OJS 3.1.1.4 http://blogs.law.harvard.edu/tech/rss 60 Notários do Tribunal da Inquisição no Arquivo da Universidade de Coimbra (1536-1755): Património e rendimentos para obtenção de ordens eclesiásticas https://impactum-journals.uc.pt/boletimauc/article/view/6651 <p>Este trabalho é uma primeira abordagem às raízes socioeconómicas dos notários da Inquisição (ou notários do Secreto), entre os anos de 1536 e 1755. O seu principal objetivo é conhecer os níveis globais de rendimento destes agentes no momento em que se habilitaram para o Santo Ofício.<br>Para isso, consultaram-se as suas habilitações de genere para ordenação sacerdotal, com os respetivos instrumentos de dote e património, existentes no Arquivo da Universidade de Coimbra. Pretende-se, assim, responder às seguintes questões: com que património receberam, os futuros notários, ordens sacras? Dependeram de outrem para constituírem os seus dotes? Poder-se-iam desenvolver redes de influência ou de sociabilidade com base nesses patrimónios?<br>O estudo desta pequena amostra permitiu concluir que quando chegavam ao Santo Ofício estes indivíduos não eram ricos, mas viviam sem constrangimentos.</p> Leonor Dias García ##submission.copyrightStatement## https://impactum-journals.uc.pt/boletimauc/article/view/6651 Sex, 14 Jun 2019 00:00:00 +0100 O Arquivo Almada e Lencastre Bastos: um arquivo de família(s) https://impactum-journals.uc.pt/boletimauc/article/view/6652 <p>O artigo apresenta o arquivo Almada e Lencastre Bastos, hoje à guarda da Biblioteca Nacional de Portugal, o qual foi objeto de uma primeira apresentação e inventariação em artigo publicado em 2012. Após um exaustivo trabalho de inventariação, reescreve-se a sua história custodial e apresentam-se alguns documentos que mostram a riqueza do acervo e a sua importância para o estudo da história medieval e moderna portuguesa.</p> Alice Borges Gago ##submission.copyrightStatement## https://impactum-journals.uc.pt/boletimauc/article/view/6652 Sex, 14 Jun 2019 00:00:00 +0100 Tombos de Cambra, manuscritos do século XVIII https://impactum-journals.uc.pt/boletimauc/article/view/6653 <p>Este artigo tem como objetivo dar a conhecer ao público dois tombos de medição e demarcação de bens e propriedades do mosteiro de Santa Maria de Arouca, do século XVIII, localizados na terra de Cambra.<br>Através das escrituras que encontramos nos tombos podemos conhecer alguns bens que o mosteiro de Arouca possuía e recolher dados toponímicos, económicos (produção agrícola, gado e seus derivados), ou ainda medidas de capacidade e moeda em uso na época.</p> Anita Pereira Tavares ##submission.copyrightStatement## https://impactum-journals.uc.pt/boletimauc/article/view/6653 Sex, 14 Jun 2019 00:00:00 +0100 O acesso ao arquivo colonial português na segunda metade do século XIX: o Boletim e Annaes do Conselho Ultramarino https://impactum-journals.uc.pt/boletimauc/article/view/6654 <p>O Boletim e Annaes do Conselho Ultramarino (1854-1867) foi um periódico especializado e de patrocínio governamental da responsabilidade do Conselho Ultramarino. A leitura e análise da publicação pretendeu investigar a questão do acesso aos arquivos coloniais portugueses, na época. O que permitiu explorar, com algum detalhe, o seu papel enquanto facilitador do acesso alargado aos arquivos do ultramar. A cronologia deste estudo compreende maioritariamente a segunda metade do século XIX ainda que a publicação tenha recuperado notícias e estudos do tempo das conquistas.</p> Sónia Pereira Henrique ##submission.copyrightStatement## https://impactum-journals.uc.pt/boletimauc/article/view/6654 Sex, 14 Jun 2019 00:00:00 +0100 Resposta de Manuel Curado à recensão do texto “Obras Pioneiras da Cultura Portuguesa: Primeiro Tratado de Cabala –Tratado da Ciência Cabala ou Notícia da Arte Cabalística”, da autoria de José Vieira Leitão, publicada no Vol. XXXI, n.º 2 (2018) do Boletim https://impactum-journals.uc.pt/boletimauc/article/view/6655 Manuel Curado ##submission.copyrightStatement## https://impactum-journals.uc.pt/boletimauc/article/view/6655 Sex, 14 Jun 2019 00:00:00 +0100