Características psicométricas da versão Portuguesa da Career Decision Self-Efficacy Scale–Short Form (CDSE–SF)

  • José Tomás da Silva Universidade de Coimbra
  • Maria Paula Paixão Universidade de Coimbra
  • Ana Margarida Albuquerque Universidade de Coimbra

Resumo

Neste trabalho faz-se uma síntese dos principais resultados obtidos na adaptação da versão curta da Career Decision Self-Efficacy Scale (CDSE-SF: Taylor & Betz, 1983), em amostras de respondentes Portugueses. Depois de uma breve apresentação do instrumento (base teórica, dimensões e propriedades métricas em amostras internacionais), os autores expõem, sucintamente, as principais evidências recolhidas até à data, acerca da precisão/fiabilidade e de validade dos resultados, em distintas amostras nacionais de estudantes de diferentes níveis de escolaridade. De seguida, recorrendo a uma amostra não probabilística de 123 estudantes do 9º ano de escolaridade, faz-se uma análise da precisão dos resultados e examina-se a validade estrutural das respostas aos 25 itens da CDSE-SF. Por fim, apresentam-se algumas das necessidades de investigação futuras com esta escala.
  • Resumo visualizado = 131 vezes
  • PDF visualizado = 231 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2009-06-01
Como Citar
SILVA, José Tomás da; PAIXÃO, Maria Paula; ALBUQUERQUE, Ana Margarida. Características psicométricas da versão Portuguesa da Career Decision Self-Efficacy Scale–Short Form (CDSE–SF). Psychologica, [S.l.], n. 51, p. p. 27-46, jun. 2009. ISSN 1647-8606. Disponível em: <https://impactum-journals.uc.pt/psychologica/article/view/1013>. Acesso em: 21 set. 2019.
Secção
Artigos

Palavras-chave

Tomada de decisão; Auto-eficácia; Precisão; Validade; Estrutura factorial