A necessidade de competir para evitar a inferioridade: Estudos de validação da versão portuguesa da SAIS

  • Cláudia Ferreira Universidade de Coimbra
  • José Pinto Gouveia Universidade de Coimbra
  • Cristiana Duarte Universidade de Coimbra
Palavras-chave: Striving, Ranking, Funcionamento psicológico maladaptativo, Patologia do comportamento alimentar

Resumo

A Striving to Avoid Inferiority Scale (SAIS; Gilbert et al., 2007) avalia as crenças acerca da necessidade de competir ou lutar/esforçar-se para evitar a inferioridade. Numa amostra de 2411 sujeitos da população geral, verificou-se uma estrutura de dois factores para a SAIS parte um – striving inseguro e non-striving seguro – e SAIS parte três –procura e evitamento de competição. Nas três partes encontraram-se valores elevados de consistência interna, e correlações item-total moderadas a altas. Comprovou-se a validade de constructo através da análise de correlações com medidas de ranking social, vinculação ao grupo social, perfeccionismo e sintomatologia ansiosa, depressiva e stress. Verificou-se uma boa estabilidade temporal. Esta é uma medida útil na avaliação da patologia do comportamento alimentar, discriminando entre uma amostra clínica de 91 doentes com perturbação alimentar e uma amostra de 102 participantes da população normal. Os resultados são discutidos considerando-se a literatura existente.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2011-07-01
Como Citar
Ferreira, C., Gouveia, J. P., & Duarte, C. (2011). A necessidade de competir para evitar a inferioridade: Estudos de validação da versão portuguesa da SAIS. Psychologica, (54), p. 5-34. Obtido de https://impactum-journals.uc.pt/psychologica/article/view/1099
Secção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)

1 2 > >>