Recursos laborais, engagement e desempenho dos trabalhadores: Um estudo numa empresa da área da grande distribuição

  • Rui Filipe Rebocho Universidade de Évora
  • Carla Santarém Semedo Universidade de Évora
  • Nuno Rebelo dos Santos Universidade de Évora

Resumo

A mudança no paradigma da gestão das empresas para uma maior preocupação com o seu capital humano tem permitido o surgimento de novas formas de encarar o sucesso organizacional. É ao ter por base esse pressuposto que o presente estudo pretende analisar as relações entre o engagement no trabalho e os recursos laborais e as implicações que os mesmos têm para o desempenho dos trabalhadores. Para isso, contámos com a participação de 101 trabalhadores duma empresa multinacional da área da grande distribuição de equipamentos para o lar, que preencheram os questionários e anexaram aos mesmos os resultados das suas avaliações de desempenho formais. Os resultados obtidos reforçam a importância dos recursos laborais no surgimento do engagement no local de trabalho e levam-nos a reflectir sobre a adequabilidade dos sistemas formais de avaliação do desempenho. As implicações deste estudo são discutidas à luz da sua relevância para a gestão de recursos humanos.
  • Resumo visualizado = 185 vezes
  • PDF visualizado = 160 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2011-07-01
Como Citar
REBOCHO, Rui Filipe; SEMEDO, Carla Santarém; SANTOS, Nuno Rebelo dos. Recursos laborais, engagement e desempenho dos trabalhadores: Um estudo numa empresa da área da grande distribuição. Psychologica, [S.l.], n. 55, p. p. 291-313, jul. 2011. ISSN 1647-8606. Disponível em: <https://impactum-journals.uc.pt/psychologica/article/view/1132>. Acesso em: 23 maio 2019.
Secção
Artigos

Palavras-chave

Engagement no trabalho; recursos laborais; desempenho dos trabalhadores; avaliação de desempenho

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)