O Coordenador de Curso Superior e a Autopercepção do PsyCap

  • Andréia Bonato da Silva Universidade do Vale do Rio dos Sinos
  • Patrícia Martins Fagundes Cabral Universidade do Vale do Rio dos Sinos
  • Guilherme Luís Roehe Vaccaro Universidade do Vale do Rio dos Sinos
  • Débora Costa de Azevedo Universidade do Vale do Rio dos Sinos

Resumo

Este estudo objetivou analisar a autopercepção de coordenadores de curso superior de IES privadas e comunitárias do RS/Brasil sobre o seu Capital Psicológico (PsyCap) e a sua capacidade de gerá-lo nos professores com os quais trabalham. O estudo é baseado em quatro dimensões para analisar o PsyCap: Otimismo, Autoeficácia, Esperança e Resiliência (Luthans, Youssef, & Avolio, 2007; Luthans, Youssef-Morgan, & Avolio, 2015) e em referências sobre Gestão Universitária (Argenta, 2011; Colombo, 2011, 2013; Demo, 2005; Ferreira, 2009; Franco, 2013; Marcon, 2008). O estudo é quanti-qualitativo e os dados foram recolhidos por meio eletrónico com o instrumento Psychological Capital Questionnaire (PCQ24) (N=309), seguida de entrevistas semiestruturadas a 10 coordenadores. A análise dos dados indica que ao coordenador são atribuídas várias atividades operacionais, o que interfere na sua capacidade de gerir plenamente o curso que coordena. Observou-se uma média mais alta de Autoeficácia nos homens, e Otimismo nas mulheres. O tempo de atuação no meio universitário foi significativo para o nível de PsyCap percebido, apontando que os coordenadores com 5 a 10 anos de atuação em IES apresentam as maiores médias no PsyCap.

Palavras-chave

capital psicológico, PsyCap, coordenador de curso, gestão universitária

  • Resumo visualizado = 104 vezes
  • PDF (English) visualizado = 346 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-02-09
Como Citar
SILVA, Andréia Bonato da et al. O Coordenador de Curso Superior e a Autopercepção do PsyCap. Psychologica, [S.l.], v. 61, n. 1, p. 29-50, fev. 2018. ISSN 1647-8606. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/psychologica/article/view/5208>. Acesso em: 15 dez. 2018.
Secção
Artigos