Changes in stature of Portuguese women born between 1966 and 1982, according to educational level

  • Eunice Conceição Universidade de Lisboa, Museu Nacional de História Natural e Centro de Biologia Ambiental, Portugal
  • Susana Garcia School of Social and Political Sciences & Centre for Public Policies and Public Administration, Technical University of Lisbon, Portugal
  • Cristina Padez Centro de Investigação em Antropologia e saúde (CIAS), Departamento de Ciências da Vida, Universidade de Coimbra, Portugal
  • Hugo Cardoso Faculdade de Medicina, Universidade do Porto, Portugal

Resumo

Os estudos publicados sobre a tendência secular da estatura baseiam-se quase exclusivamente em homens, sendo os estudos referentes a mulheres menos comuns. De igual modo, são escassos os estudos que relacionam mudanças seculares na estatura feminina e o nível socioeconómico. O presente estudo pretende documentar a evolução da estatura média de uma amostra de mulheres parturientes nascidas entre 1966 e 1982 (n = 30 629), assistidas na Maternidade Dr. Alfredo da Costa, em Lisboa, entre 1991 e 2004. Os dados reportados relativos à estatura e ao nível educacional individual permitiram avaliar a evolução da estatura feminina em relação ao nível socioeconómico. Os resultados mostram que a estatura das mulheres da amostra aumenta durante o período considerado (estatura média 160,8 cm em 1966 e 161,1 em 1982), mas não consistentemente. As mulheres com um nível de escolaridade mais elevado são sistematicamente mais altas em comparação com as mulheres com um nível de escolaridade mais baixo (diferença média de estatura entre o grupo educacional mais alto e o mais
baixo é de 4,2 cm). Entre 1966 e 1982, e comparando com a estatura masculina, a estatura feminina aumentou menos 75% . Apesar do período considerado ser curto, este estudo documenta diferenças socioeconómicas importantes na evolução da estatura feminina e é o primeiro a reportar mudanças na estatura ao longo do tempo em mulheres portuguesas.
  • Resumo visualizado = 60 vezes
  • PDF visualizado = 144 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2012-06-06
Como Citar
CONCEIÇÃO, Eunice et al. Changes in stature of Portuguese women born between 1966 and 1982, according to educational level. Antropologia Portuguesa, [S.l.], v. 29, p. 81-96, jun. 2012. ISSN 2182-7982. Disponível em: <https://impactum-journals.uc.pt/antropologiaportuguesa/article/view/1879>. Acesso em: 21 maio 2019.
Secção
Artigos

Palavras-chave

Estatura feminina; tendência secular; Portugal; factores socioeconómicos; séc. XX.