Are employment relations in Europe based on trust? The employee representative perspective

  • Patricia Elgoibar University of Seville
  • Lourdes Munduate University of Seville
  • Francisco J. Medina University of Seville
  • Martin C. Euwema University of Leuven

Resumo

Numerosos investigadores provenientes de várias disciplinas concordam em que a confiança gera benefícios importantes tanto para as organizações (Dirks & Ferrin, 2001) como para seus membros (Kramer, 1999). No entanto, algumas vezes não é fácil alcançar o nível de confiança valorizado e desejado nas relações laborais. Neste artigo, em primeiro lugar, analisamos o conceito de confiança e sua importância no âmbito das relações laborais Europeias. Em segundo lugar, exploramos como os representantes sindicais (ER) na Europa percebem a sua relação com a Direcção bem como com os seus colegas de trabalho, com foco no papel da confiança. Finalmente, concluiremos com uma discussão e algumas recomendações práticas que podem ajudar aos ER a fomentar relações mais confiáveis, contribuindo dessa maneira para melhorar a sua capacidade de participação em processos de tomada de decisão e, consequentemente, para um estilo de gestão do conflito mais construtivo.
  • Resumo visualizado = 15 vezes
  • PDF visualizado = 19 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2011-07-01
Como Citar
ELGOIBAR, Patricia et al. Are employment relations in Europe based on trust? The employee representative perspective. Psychologica, [S.l.], n. 55, p. p. 255-272, jul. 2011. ISSN 1647-8606. Disponível em: <https://impactum-journals.uc.pt/psychologica/article/view/1130>. Acesso em: 23 jul. 2019.
Secção
Artigos

Palavras-chave

Confiança; representantes sindicais; relações laborais; Direcção; colegas de trabalho