Os registos de degredados da Direcção Geral do Ultramar

Resumo

Coube à Direcção Geral do Ultramar enquanto parte da Secretaria de Estado da Marinha e do Ultramar a administração dos negócios do ultramar. Conheceu, durante a sua vigência, vários momentos de especialização e reforma sendo a protagonizada pelo Ministro Rebelo da Silva determinante a vários níveis. Até então não se tinha verificado na administração colonial portuguesa uma ação remodeladora tão vasta implementando, inclusive, medidas inéditas como a criação de colónias penais no ultramar para cumprimento de pena de degredo. Com esta adição tornou-se responsabilidade da Direcção Geral do Ultramar o registo central de degredados. Através da análise da documentação em arquivo histórico pretende este artigo explorar os registos de degredados, no período compreendido entre 1870-1910, analisando o circuito documental associado.  

Palavras-chave

Direção Geral do Ultramar; degredo; colónias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sónia Pereira Henrique, Faculdade de Ciências Sociais e Humanas - Universidade Nova de Lisboa

IHC-FCSH UNL, Arquivística Histórica

Publicado
2017-08-30
Como Citar
HENRIQUE, Sónia Pereira. Os registos de degredados da Direcção Geral do Ultramar. Boletim do Arquivo da Universidade de Coimbra, [S.l.], v. 30, p. 495-516, ago. 2017. ISSN 2182-7974. Disponível em: <http://impactum-journals.uc.pt/boletimauc/article/view/4049>. Acesso em: 25 set. 2017.
Secção
Estudos

Palavras-chave

Direção Geral do Ultramar, degredo, colónias.