A epígrafe latina como elemento didático (XXXIII): o colégio dos sêxviros: religião e poder em evidência

  • José d'Encarnação
Palavras-chave: seviri, augustales, religião e poder político

Resumo

Procura mostrar‑se, através da análise da actividade dos sêxviros, como a religião e o poder se encontram intimamente ligados durante a época romana. Assinala‑se que eram predominantemente os libertos que integravam este colégio sacerdotal relacionado com o culto ao imperador. Exemplifica‑se com uma epígrafe de Balsa (IRCP 73), em que um sêxviro agradece à deusa Fortuna Augusta o ter sido eleito, atestando que cumpriu assim as promessas eleitorais.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2014-12-29
Como Citar
d’Encarnação, J. (2014). A epígrafe latina como elemento didático (XXXIII): o colégio dos sêxviros: religião e poder em evidência. Boletim De Estudos Clássicos, (59), 95-102. https://doi.org/10.14195/2183-7260_59_8

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)

1 2 > >>