Simulação das inundações do tsunami 1755 no algarve (sul de Portugal): estudo de caso de Portimão

  • Fantina Tedim Universidade de Coimbra
  • João Gonçalves Faculdade de Letras, Universidade do Porto
Palavras-chave: Sismo de 1755, tsunami, Algarve, catástrofe, simulação, sistemas de informação geográfica (SIG), planeamento de emergência, avaliação de impactes.

Resumo

O terramoto de 1 de Novembro de 1755 continua a ser o mais poderoso e destrutivo que afectou a Europa. Apesar de ter ficado associado a Lisboa, uma das mais importantes cidades europeias nessa época, este sismo originou um número de vítimas e um cenário de destruição igual, senão mesmo superior, no Algarve, onde a intensidade sísmica foi estimada em IX-X na escala de Mercalli. Alguns minutos depois um tsunami aumentou a dimensão da catástrofe. Recorrendo a técnicas simples de simulação, estimaram-se os potenciais impactes da repetição nos nossos dias de um tsunami semelhante ao de 1755, na área de Portimão.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2007-08-26
Secção
Artigos