Variações climáticas do passado: chave para o entendimento do presente? Exemplo referente a Portugal (1675-1715)

  • Maria João Maria JoãoAlcoforado Universidade de Lisboa
Palavras-chave: Variações climáticas, climatologia histórica, Pequena Idade do Gelo, Mínimo de Maunder, Europa.

Resumo

Refere-se a importância dos estudos dos climas do passado, que resultaram unicamente de causas naturais, enquanto, nos períodos recentes, a acção antrópica pode intensificar ou mascarar as variações naturais. E brevemente apresentado um projecto de climatologia histórica da Europa, sobre o fim do Mínimo de Maunder (1675- 1715), período particularmente frio da Pequena Idade do Gelo. Embora não se tenham verificado nítidas tendências, observou-se que os meses de Inverno e de Primavera foram particularmente frios, também em Portugal. A irregularidade inter-anual da precipitação assemelha-se à da situação presente. Foram detectados meses de severa seca, assim como anos muito chuvosos. São passadas em revista as causas naturais que podem ter contribuído para as variações climáticas observadas no passado.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
1999-09-16
Edição
Secção
Artigos