Como pensar na globalização? Contributo sociológico para um modelo de análise interdisciplinar

  • Augusto Santos Silva Faculdade de Economia, Universidade do Porto

Resumo

O artigo toma a globalização como um quadro para a análise dos processos económicos e sociais do nosso tempo. Começa pela crítica da ideologia da globalização como o triunfo inelutável da abertura e liberalização económica, contrapondo-lhe uma abordagem que pretende ser mais analítica. Nos termos desta, a compressão do espaço-tempo, a integração e interdependência do sistema mundial e a sua heterogeneidade desenham um novo contexto para as instituições e os atores. Para compreendê‑lo, precisamos de uma abordagem interdisciplinar, aproximando mais a economia, a sociologia e a ciência política, e colocando os factos em perspetiva histórica e geográfica. Assim podem ser exploradas novas perspetivas de análise, acrescentando-se valor ao conhecimento hoje disponível sobre a globalização.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-06-01
Secção
Artigos