A Indelével Relação entre Trabalho e Formação: O Caso do Centro de Formação de uma Grande Empresa

  • Sandra Pratas Rodrigues Instituto da Educação, Universidade de Lisboa.
  • Natália Alves Instituto de Educação, Universidade de Lisboa.
Palavras-chave: Educação e Formação de Adultos, formação profissional contínua, relação trabalho-formação

Resumo

Este artigo reporta-se a uma investigação empírica centrada nas práticas formativas de uma estrutura de formação profissional contínua de uma grande empresa do sector automóvel, com o objetivo de analisar as finalidades e os objetivos de uma formação que é concebida e desenvolvida numa articulação
estreita com o exercício do trabalho e os saberes profissionais. Para a prossecução deste objetivo, a opção metodológica recaiu sobre método do estudo de caso intrínseco, tendo sido mobilizado um leque diversificado de técnicas de recolha de dados de natureza qualitativa. A análise dos dados recolhidos
permite-nos verificar que existe uma relação fusional entre o trabalho e a formação. Esta relação fusional está patente na dependência orgânica do centro de formação do departamento de produção, nas finalidades e objetivos da formação, na conversão dos referenciais de práticas em referenciais da
formação e na subordinação da formação às necessidades e aos ritmos do sistema produtivo.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-12-20
Como Citar
Rodrigues, S., & Alves, N. (2016). A Indelével Relação entre Trabalho e Formação: O Caso do Centro de Formação de uma Grande Empresa. Revista Portuguesa De Pedagogia, 50(1), 117-138. https://doi.org/10.14195/1647-8614_50-1_6
Secção
Artigos