Abertura da Consciência e Mudança de Civilização

Repensar a Natureza, a Terra e Eros a partir de Hesíodo

Autores

  • Paulo Borges Universidade de Lisboa

Palavras-chave:

Natureza, Terra, Eros, consciência, civilização

Resumo

 Procuramos investigar se a crise ambiental contemporânea e algumas reacções ecológicas a ela não procedem de um mesmo modelo dominante de percepção da realidade, em que a Natureza e a Terra surgem como um objecto, a explorar ou a defender, perante o sujeito humano. Para tal, procede-se a um repensar da Natureza e da Terra a partir das três primeiras instâncias da teocosmogonia de Hesíodo - Caos, Gaia e Eros – e propõe-se que só uma abertura contemplativa e não-dualista da consciência pode originar uma verdadeira mutação civilizacional. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

##submission.downloads##

Publicado

2020-12-31

Como Citar

Borges, P. (2020). Abertura da Consciência e Mudança de Civilização: Repensar a Natureza, a Terra e Eros a partir de Hesíodo. Revista Portuguesa De Pedagogia, 54. Obtido de https://impactum-journals.uc.pt/rppedagogia/article/view/9547

Edição

Secção

Artigos