Obras de correção torrencial no controlo de situações de erosão hídrica em portugal. Exemplos da bacia hidrográfica do rio Pranto (baixo Mondego)

  • Sofia Bernardino NICIF - Núcleo de Investigação Científica de Incêndios Florestais
  • Luciano Lourenço NICIF – Núcleo de Investigação Científica de Incêndios Florestais e Departamento de Geografia da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
Palavras-chave: Conservação do solo, correção torrencial, erosão hídrica, bacia hidrográfica do rio Pranto.

Resumo

Os trabalhos de defesa e conservação do solo, em Portugal, tiveram um notável incremento a partir de 1941. Conscientes de que a subsistência do homem dependia da terra e de que os processos erosivos associados à ação da água proveniente da pluviosidade degradavam, paulatinamente, os recursos edáficos, várias foram as obras de correção torrencial levadas a cabo em todo o País. Este trabalho surge assim com o objetivo de divulgação das obras realizadas e, principalmente, das técnicas mais utilizadas na correção da erosão hídrica, através de exemplos concretos na Bacia Hidrográfica do Rio Pranto (Baixo Mondego).

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2013-07-28