UMA FAMÍLIA, UMA CIDADE E UM IMPÉRIO NA ENCRUZILHADA RELIGIOSA. A PROPÓSITO DA EPÍSTOLA A LETA 1-2 DE S. JERÓNIMO (BELÉM, 402).

  • Paula Barata Dias CECH
Palavras-chave: S. Jerónimo, Leta, Cristianismo, Paganismo, Teodósio, Roma, Antiguidade Tardia

Resumo

Os dois primeiros parágrafos da Epístola a Leta, de S. Jerónimo, constituem, como ele próprio reconhece, um desvio ou um excurso face à motivação principal da carta, que é a de instruir uma mãe na educação ascética da sua filha. A comemoração do nascimento da pequena Paula para a vida ascética é o ponto de partida para o comentário do momento histórico de Roma e para um testemunho acerca da transformação das mentalidades e das formas de persuasão do cristianismo associadas às dinâmicas familiares. O artigo pretende analisar o valor testemunhal e a interpretação de Jerónimo acerca da história do momento religioso do império, que abrem uma luz sobre os processos de cristianização da aristocracia romana por meio da intimidade familiar.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2015-12-10
Secção
Artigos