Satisfação e Motivação no Trabalho: Um Estudo sobre os Docentes do Ensino Superior em Portugal

  • Maria de Lourdes Machado CIPES ‑ Centro de Investigação de Políticas de Ensino Superior.
  • Virgílio Meira Soares Universidade de Lisboa e CIPES ‑ Centro de Investigação de Políticas de Ensino Superior.
  • José Brites Ferreira CIPES ‑ Centro de Investigação de Políticas de Ensino Superior e Escola Superior de Educação e Ciências Sociais ‑ Instituto Politécnico de Leiria
  • Odília Gouveia CIPES ‑ Centro de Investigação de Políticas de Ensino Superior
Palavras-chave: Satisfação, Motivação, Docentes, Ensino Superior

Resumo

Os académicos constituem um importante grupo nas Instituições de Ensino Superior (IES), dada a relevância do seu papel na prossecução dos objetivos das instituições. A centralidade do papel do corpo docente faz dos académicos como que escultores da cultura institucional com implicações na qualidade da instituição e no sucesso dos estudantes. Existem muitos fatores que contribuem para minar o empenho do pessoal docente para com as suas instituições e as suas carreiras. A satisfação no trabalho é importante para a revitalização da motivação dos docentes e para manter vivo o seu entusiasmo. Conhecem‑se vários estudos internacionais sobre este tema, contudo muito pouco é conhecido no contexto do ensino superior em Portugal. Este artigo refere‑se a um estudo em curso, financiado pela FCT, que incide sobre a satisfação e motivação do pessoal docente das IES em Portugal.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2014-03-12
Como Citar
Machado, M., Soares, V., Ferreira, J., & Gouveia, O. (2014). Satisfação e Motivação no Trabalho: Um Estudo sobre os Docentes do Ensino Superior em Portugal. Revista Portuguesa De Pedagogia, (46-1), pp. 95-108. https://doi.org/10.14195/1647-8614_46-1_5
Secção
Artigos