A Pedagogia como Educação para o Pensamento Ativo

os projetos de John Dewey, Paulo Freire e Peter McLaren

Autores

  • Gianluigi Segalerba Universität Wien
  • Oleg Yurievich Latyshev-Maysky International Mariinskaya Academy

Palavras-chave:

Dewey, Democracia, Freire, conceito bancário de educação, Conceito bancário de educação, McLaren, Autotransformação

Resumo

Em nosso estudo, analisamos algumas das reflexões incluídas no pensamento educacional de Dewey, Paulo Freire e Peter McLaren. Estes três pensadores, embora utilizando métodos diferentes, têm em nossa opinião um ponto em comum para mostrar que nenhum sistema educacional é neutro no que diz respeito à organização das sociedades: todos os sistemas educacionais visam formar um tipo particular de sociedade através da formação de uma mentalidade correspondente nos indivíduos. Os fundamentos éticos e políticos de uma sociedade se refletem em seu sistema educacional, portanto qualquer reforma da sociedade deve começar com a reforma de seu sistema educacional; além disso, é impossível que uma reforma da sociedade seja efetiva a menos que se baseie na reforma da educação. Com particular referência às observações de Dewey, concentramos nossa atenção em suas críticas a um sistema educacional baseado na passividade dos estudantes e na massificação dos estudantes. De fato, Dewey defende constantemente um sistema educacional que visa a individualização dos estudantes. Com relação às reflexões de Freire, apontamos para sua descoberta da opressão das classes baixas através dos sistemas tradicionais de ensino: a constante relegação dos alunos das classes oprimidas para uma condição de total passividade, objetivo do sistema educacional descrito por Freire como o conceito bancário de educação, destrói qualquer senso de aspiração de autonomia entre os próprios alunos. A autodepreciação dos alunos é o resultado do sistema educacional tradicional. McLaren salienta que o objetivo adequado de um bom sistema educacional deve ser a autotransformação e o empoderamento dos estudantes: os professores devem revelar as ligações entre o conhecimento, que é sempre uma construção social, e os interesses da classe dominante. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

##submission.downloads##

Publicado

2020-12-31

Como Citar

Segalerba, G., & Latyshev-Maysky, O. Y. (2020). A Pedagogia como Educação para o Pensamento Ativo: os projetos de John Dewey, Paulo Freire e Peter McLaren. Revista Portuguesa De Pedagogia, 54, e054009. Obtido de https://impactum-journals.uc.pt/rppedagogia/article/view/8967

Edição

Secção

Artigos