LITERATURA NO SÉCULO XXI

  • Manuel Portela CLP, Universidade de Coimbra

Resumo

O foco de atenção deste volume dirige-se para os aspetos tecnológicos e materiais que têm transformado as práticas de criação, comunicação e leitura literária, e cujos efeitos se fazem sentir transversalmente na cultura atual. Esta cultura tem sido descrita cada vez com mais frequência como uma cultura do software, isto é, como uma cultura cujas práticas e formas são mediadas e determinadas por programas digitais. A ubiquidade da mediação digital significa que se torna hoje difícil circunscrever práticas e formas artísticas que não tenham, em menor ou maior grau, integrado as novas condições materiais de produção nos seus processos. No caso particular da arte literária, a alteração em curso da ecologia medial implica a reconfiguração da relação entre o impresso e o digital, num processo que não é apenas de concorrência, mas também de cooperação e de retroalimentação. Considerar o tema ‘literatura no século XXI’ significa, neste caso, pensar a textualidade digital e a presença crescente do computador e da programação nas práticas literárias pós-World Wide Web.

  • Resumo visualizado = 93 vezes
  • PDF visualizado = 124 vezes

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Manuel Portela, CLP, Universidade de Coimbra

Manuel Portela é professor do Departamento de Línguas, Literaturas e Culturas da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra e é o atual Coordenador do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura. É membro do Centro de Literatura Portuguesa da Universidade de Coimbra. Foi Director do Teatro Académico de Gil Vicente,  entre 2005 e 2008. É autor, entre outras, das primeiras traduções portuguesas de Cantigas da Inocência e da Experiência (1994; edição revista, 2007) e Milton (2009), de William Blake,  e A Vida e Opiniões de Tristram Shandy, de Laurence Sterne (2 vols, 1997-98), pela qual recebeu o Grande Prémio de Tradução. Publicou em 2003 O Comércio da Literatura: Mercado e Representação, um extenso estudo sobre o mercado literário inglês no século XVIII. Nos últimos anos tem investigado a digitalização da literatura e da cultura, tendo leccionado diversas disciplinas e seminários no domínio das humanidades digitais.

Manuel Portela teaches in the Department of Languages, Literatures, and Cultures at the Faculty of Arts, University of Coimbra, and he is the current Coordinator of the PhD Program Advanced Studies in the Materialities of Literature. He is a member of the Centre for Portuguese Literature at the University of Coimbra, and was Director of the University Theatre between 2005 and 2008. His many translations include the first Portuguese translations of Songs of Innocence and of Experience (1994; revised, 2007) and Milton (2009), by William Blake,  and The Life and Opinions of Tristram Shandy, Gentleman (2 vols, 1997-98), by Laurence Sterne, for which he received the National Award for Translation. In 2003, he published O Comércio da Literatura: Mercado e Representação [The Commerce of Literature: Marketplace and Representation], an extensive study of the English literary market in the 18th century.  His latest research has been concerned with the digital literature and digital culture. He has taught several courses and seminars on digital media.

Publicado
2012-04-30
Como Citar
PORTELA, Manuel. LITERATURA NO SÉCULO XXI. Revista de Estudos Literários, [S.l.], v. 2, p. 5-22, abr. 2012. ISSN 2183-847X. Disponível em: <https://impactum-journals.uc.pt/rel/article/view/1912>. Acesso em: 24 maio 2019.
Secção
Introdução

Palavras-chave

literatura digital; escrita e computadores; média digitais; média programáveis

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)