Perceção da Transferência das Aprendizagens em Educação e Formação de Adultos: Um Estudo num Centro de Emprego e Formação Profissional

  • Letícia Raquel Gonçalves Lopes Centro de Emprego e Formação Profissional de Águeda.
  • Maria da Graça Amaro Bidarra Professora Associada da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra.
  • Carlos Manuel Folgado Barreira Professor Auxiliar da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra.
Palavras-chave: formação profissional, Educação e Formação de Adultos, transferência de aprendizagens

Resumo

O presente artigo pretende ser um contributo para o estudo da perceção da transferência das aprendizagens em educação e formação de adultos, tendo como base o modelo de Holton e colaboradores (Holton, Bates, & Ruona, 2000), retomado por Caetano (2007), e na metodologia que lhe está associada, envolvendo deste modo a adaptação do Learning Transfer System Inventory (LTSI), na versão portuguesa de Velada (2007). Participaram no estudo 190 formandos, integrados em cursos de Educação e Formação de Adultos num Centro de Emprego e Formação Profissional, de diferentes áreas de formação, com diferentes habilitações e equivalências escolares e com idades compreendidas entre os 21 e 50 anos. Os resultados obtidos indicam uma positiva perceção da transferência, em termos globais, revelando-se diferenças significativas quanto ao sexo, às habilitações académicas, ao motivo da frequência da formação, à satisfação com a formação e ao grau de confiança na aquisição de um trabalho em consequência da formação.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-12-20
Como Citar
Lopes, L., Bidarra, M., & Barreira, C. (2016). Perceção da Transferência das Aprendizagens em Educação e Formação de Adultos: Um Estudo num Centro de Emprego e Formação Profissional. Revista Portuguesa De Pedagogia, 50(1), 97-116. https://doi.org/10.14195/1647-8614_50-1_5
Secção
Artigos