Versão Portuguesa da Escala de Avaliação de Necessidades de Sobreviventes

Propriedades psicométricas numa amostra de sobreviventes de doença oncológica dos Açores

Autores

  • Marina Sousa Departamento de Psicologia, Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Universidade dos Açores. Ponta Delgada, Açores, Portugal / Centro de Investigação em Neuropsicologia e Intervenção Cognitivo-Comportamental, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, Universidade de Coimbra, Portugal https://orcid.org/0000-0003-0104-2432
  • Célia Barreto Carvalho Departamento de Psicologia, Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Universidade dos Açores. Ponta Delgada, Açores, Portugal / Centro de Investigação em Neuropsicologia e Intervenção Cognitivo-Comportamental, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, Universidade de Coimbra, Portugal https://orcid.org/0000-0003-4453-8139
  • Helena Moreira Universidade de Coimbra. Centro de Investigação em Neuropsicologia e Intervenção Cognitivo-Comportamental, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, Coimbra, Portugal. https://orcid.org/0000-0002-1487-0539
  • Maria Cristina Canavarro Universidade de Coimbra. Centro de Investigação em Neuropsicologia e Intervenção Cognitivo-Comportamental, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação. Coimbra, Portugal. https://orcid.org/0000-0002-5083-7322

DOI:

https://doi.org/10.14195/1647-8606_64-1_4

Palavras-chave:

sobreviventes de cancro, versão breve, escala de avaliação de necessidades não satisfeitas, psicometria

Resumo

Este artigo pretendeu estudar as propriedades psicométricas e a estrutura fatorial da versão portuguesa da Short-Form Survivor Unmet Needs Survey (SF-Suns). A amostra incluiu 151 sobreviventes oncológicos dos Açores-Portugal, que completou um protocolo para avaliação de necessidades não satisfeitas (SF-Suns), sintomas psicológicos (EADH) e qualidade de vida (QLQ-C30). Uma Análise Fatorial Confirmatória (AFC) e uma Análise Fatorial Exploratória (AFE) foram conduzidas para avaliar a estrutura fatorial da SF-Suns. Os resultados da AFC indicaram que o modelo original da SF-Suns não apresentou um ajustamento adequado aos dados. Assim, uma AFE foi conduzida para explorar a estrutura fatorial da escala na presente amostra. A estrutura fatorial de quatro fatores foi diferente da estrutura da versão original da escala. A medida apresentou boa consistência interna (bons níveis de alfa de Cronbach foram obtidos para cada fator e para a escala total) e revelou validade convergente (correlações moderadas foram encontradas com ansiedade, depressão e algumas dimensões da qualidade de vida). A versão portuguesa da SF-Suns mostrou ser uma medida fiável e psicometricamente válida para avaliar as necessidades de sobreviventes oncológicos açorianos. A disseminação do seu uso poderá permitir respostas clínicas e psicoterapêuticas mais direcionadas às suas necessidades específicas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##submission.downloads##

Publicado

2021-09-06

Como Citar

Sousa, M., Barreto Carvalho, C., Moreira, H., & Canavarro, M. C. (2021). Versão Portuguesa da Escala de Avaliação de Necessidades de Sobreviventes: Propriedades psicométricas numa amostra de sobreviventes de doença oncológica dos Açores. Psychologica, 64(1), 69-87. https://doi.org/10.14195/1647-8606_64-1_4

Edição

Secção

Artigos